Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Estude na UFT
Início do conteúdo da página

Estude na UFT


PSC 2020/1

Inscrições: 21 a 24/01/2020
Publicação da Chamada Regular: 28/01/2020
Matrículas Chamada Regular: 29/01 a 04/02/2020
Manifestação de Interesse na Lista de Espera – 1ª Etapa Sistema SISU: 29/01 a 04/02/2020
Manifestação de Interesse na Lista de Espera – 2ª Etapa Sistema Sigrad/UFT: 06 a 10/02/2020
Publicação das Chamadas da Lista de Espera: A partir de 12/02/2020.

Sobre o Sisu

Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é o sistema informatizado gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC) no qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para candidatos participantes do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem.

O processo seletivo do Sisu é realizado duas vezes ao ano, sempre no início do semestre letivo. A inscrição é gratuita, em uma única etapa e é feita pela internet, no site do sistema. Ao final do período de inscrições, são selecionados os candidatos mais bem classificados dentro do número de vagas ofertadas.

 
O Sisu na UFT

A Universidade Federal do Tocantins (UFT) utiliza o Sisu como forma de ingresso nos cursos presenciais de graduação desde o primeiro semestre de 2010 (Vestibular 2010/1), quando foram ofertadas 25% das vagas de cada curso por meio deste Sistema.

Desde 2015, o Sisu passou a ser adotado na UFT como sistema de seleção para 100% das vagas, conforme a Resolução do Consuni n° 013/2013. Parte dessas vagas disponibilizadas é reservada a candidatos que se enquadram na Lei 12.711/2012, que prevê cotas para estudantes oriundos de escolas públicas, de baixa renda, pretos, pardos e indígenas e com deficiência, além das vagas das ações afirmativas específicas da UFT, reservadas a quilombolas e indígenas.

Em 2019, com o retorno do Vestibular aprovado pela Resolução do Consuni nº 25/2018 a instituição passou a ofertar 50% das vagas pelo SISU.

A distribuição das vagas por câmpus, curso e modalidade de concorrência pode ser consultada no Termo de Adesão e no Edital, que são publicados a cada edição.

Vagas remanescentes

As vagas não ocupadas por meio do Sisu e do Vestibular são disponibilizadas, a cada semestre, por meio de Processo Seletivo Complementar (também baseado na nota do Enem).

Contatos

A Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) é a responsável pela operacionalização do Sisu na UFT. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (63) 3229-4225 ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

 

Na edição 2020/1 do Sisu será ofertada metade das vagas autorizadas para cursos de graduação presenciais.

Serão 942 vagas distribuídas em 50 cursos em 7 câmpus da UFT.

Podem se inscrever os candidatos que fizeram o Enem de 2019, tenham obtido na redação nota maior que e não estejam na situação descrita no item 3 do Edital do Enem 2019.

É importante ressaltar observar que a UFT, pra o cálculo da nota são adotados pesos diferentes para cada área do conhecimento avaliada no Enem, além de notas mínimas para cada uma delas.

As inscrições são gratuitas e vão de 21 a 24/01/2020. Devem ser feitas exclusivamente pela internet, na página do Sisu, com o número de inscrição e a senha do Enem de 2019. Caso o candidato não se lembre do número de inscrição ou da senha, pode recuperá-los na página do Enem.

É necessário, no entanto, que o candidato esteja atento aos documentos exigidos pelas instituições para a efetivação da matrícula, em caso de aprovação. 

 

DATAS IMPORTANTES:

  • Inscrições: 21 a 24/01/2020
  • Publicação da Chamada Regular: 28/01/2020
  • Matrículas Chamada Regular: 29/01 a 04/02/2020
  • Manifestação de Interesse na Lista de Espera no site do Sisu: 29/01 a 04/02/2020
  • Manifestação de Interesse na Lista de Espera no site da UFT: 06 a 09/02/2020
  • Publicação das Chamadas da Lista de Espera: A partir de 11/02/2020

DOCUMENTOS IMPORTANTES:

Sobre os Processos Seletivos Complementares (PSCs)

O Processo Seletivo Complementar é um processo estabelecido pela UFT visando ao preenchimento de vagas remanescentes nos cursos presenciais de graduação por motivos de não ocupação, desistências, cancelamentos e outros, esgotadas as possibilidades de chamadas regulares e chamadas da lista de espera do Sisu.

Assim como no Sisu, a seleção dos candidatos neste processo também é efetuada exclusivamente com base nos resultados obtidos pelos candidatos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O número de vagas e os cursos disponíveis são divulgados em edital próprio, havendo, do mesmo modo que no Sisu, reserva de vagas para quilombolas e indígenas (Ações Afirmativas) e para os estudantes contemplados pela Lei n° 12.711, que prevê cotas para candidatos oriundos de escolas públicas, autodeclarados pretos, pardos e indígenas, e de baixa renda.

Edição 2019/1

Consulte o edital vigente.

 

Procedimentos para participar do PSC

Extravestibular 2016/2 e 2017/1

Matrículas dias 05 e 06 de janeiro de 2017.
Resultado e mais informações aqui .

Sobre o Extravestibular

Extravestibular é o processo seletivo destinado à transferência de candidatos de outros cursos da UFT ou de outras Instituições de Ensino Superior (IES) e ao ingresso de portadores de diploma de Nível Superior para realizar novo curso.

  • Transferência Interna e Externa: Segundo os Arts. 34 a 43 do Regimento Acadêmico da UFT, será facultada ao acadêmico a transferência interna de um curso de graduação para outro, bem como a troca de turno, no âmbito da UFT, mediante processo seletivo. Essa transferência interna entre cursos será concedida uma única vez, observadas as condições do edital específico
  • Reingresso: É a forma de ingresso de ex-acadêmicos que perderam o vínculo com a Universidade.
  • Portador de diploma: Portadores de diploma de nível superior, independente de concurso vestibular, concedido mediante processo seletivo, divulgado por meio de edital.

O acadêmico admitido em uma das formas de retorno estará sujeito a possíveis adaptações curriculares ou regimentais no período em que a matrícula tiver sido cancelada.

 

Sobre Aluno Especial

O ingresso na UFT de acadêmicos em disciplinas isoladas (modalidade Aluno Especial) ocorre após o processo de matrícula dos acadêmicos regulares, sem constituir vínculo com qualquer curso de graduação da Instituição.

Esta forma de ingresso é permitida aos portadores de diploma de curso superior, acadêmicos regulares de outros câmpus da UFT e de outras Instituições de Ensino Superior, e a acadêmicos que concluíram o Ensino Médio, respeitada a existência de vagas, a obtenção de parecer favorável do Colegiado de Curso, e as disposições divulgadas por meio de editais específicos.

 

Sobre Aluno Estrangeiro

O ingresso de alunos estrangeiros na UFT se dá por meio do Programa de Estudante Convênio–Graduação (PEC-G) e outros convênios com diversos países.

Mais informações com a Coordenação de Relações Internacionais (Relinter), no site www.uft.edu.br/relinter.

 

Sobre Vestibular EaD

Para os candidatos aos cursos a distância (EaD) são realizados processos seletivos específicos abertos a candidatos que tenham concluído o Ensino Médio ou estudos equivalentes. O Vestibular EaD é realizado semestralmente pela Comissão Permanente de Seleção ( Copese) e a Diretoria de Tecnologias Educacionais (DTE).

 

Sobre o Parfor

Para ingressar no Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor), o professor deve se inscrever nos cursos por meio da Plataforma Paulo Freire, desenvolvida pelo MEC, onde também terá seu currículo cadastrado e atualizado.

A partir da pré-inscrição dos professores e da oferta de formação pelas IES publicas, as secretarias estaduais e municipais de educação terão na Plataforma Freire um instrumento de planejamento estratégico capaz de adequar a oferta das IES públicas à demanda dos professores e às necessidades reais das escolas de suas redes. As pré-inscrições são submetidas pelas secretarias estaduais e municipais às IES públicas, que procederão a inscrição dos professores nos cursos oferecidos.

O processo de seleção na UFT ocorre por meio de edital direcionado aos candidatos inscritos e validados na Plataforma Freire para os cursos de graduação oferecidos exclusivamente para o programa. A classificação é determinada por sorteio público dos candidatos validados, quando as vagas forem inferiores ao número de candidatos, até que sejam ocupadas todas as vagas ofertadas.

O candidato validado que não for contemplado no número de vagas ofertado no semestre indicado, a critério dos recursos disponibilizados na Plataforma Freire, permanece cadastrado para a próxima oferta do curso.

Mais informações no site www.uft.edu.br/parfor.

Fim do conteúdo da página