Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Marcador: 2017

  • 14/01/2021
  • 11:07:15
  • 04/01/2021
  • 15:02:43

Egressos - Turma 5 - 2017_2018 – PPGPJDH

Criado por eugeniapaula

Marcador(es): , , ,

  • 13/11/2020
  • 15:36:47

Egressos - Turma 4 - 2016_2017 – PPGPJDH

Criado por eugeniapaula

Marcador(es): , , ,

  • 13/11/2020
  • 15:36:08

14-2017 - Política de Ações Afirmativas nos Cursos de Pós-Graduação Stricto Sensu da UFT

Criado por glendagomes

  • 13/11/2020
  • 10:51:28

Oferta Disciplna SS 2017-2.pdf

Criado por alison.rodrigues

Marcador(es):

  • 13/10/2020
  • 11:57:10

Oferta Disciplina SS 2017-1.pdf

Criado por alison.rodrigues

Marcador(es): ,

  • 13/10/2020
  • 11:56:58
  • 07/10/2020
  • 14:44:48
  • 27/08/2020
  • 09:21:38
  • 24/08/2020
  • 16:39:03

CONTRATO Nº 01-2017 - 10º ADITIVO.pdf

Criado por loyane

Marcador(es): ,

  • 29/07/2020
  • 17:47:11

CONTRATO N° 08-2017 - 3º ADITIVO.pdf

Criado por loyane

Marcador(es): ,

  • 29/07/2020
  • 17:44:33

O Tocantins é um dos estados brasileiros mais afetados por incêndios florestais, onde encontra-se os maiores remanescentes de Cerrado do país. Assim, objetivou-se identificar as ocorrências de incêndios florestais no estado do Tocantins, quantificando-as por meio dos dados disponibilizados pelo INPE e Sisfogo no período de 2003 a 2015. O trabalho foi dividido em três etapas: a primeira consiste na aquisição das imagens do satélite AQUA e dos registros de ocorrência dos incêndios (ROI’s), a segunda compreende o processamento dos dados referentes às imagens de satélite e aos registros de ocorrência de incêndios por meio de uma planilha eletrônica e a terceira consiste na realização das estatísticas pertinentes às informações coletadas. Os resultados obtidos demonstraram que a quantidade de focos de calor é superior a de registros de ocorrência de incêndios disponível pelo Sisfogo. Dos 139 municípios do Estado do Tocantins, apenas 14 municípios estão com os seus relatórios preenchidos e armazenados no site.

Criado por giongo

Marcador(es): , ,

  • 13/07/2020
  • 16:53:12

Para usufruir dos benefícios da arborização urbana é necessário planejá-la adequadamente para proporcionar uma convivência harmônica entre as plantas, os elementos construídos e o homem. A pesquisa objetivou avaliar a situação da arborização quanto ao espaço disponível para o desenvolvimento das árvores e a distribuição destas nas calçadas de Gurupi, Tocantins. Foram coletados os seguintes dados: nome das vias públicas, espécies, altura e diâmetro da copa, danos nas calçadas, posição de plantio, tipos de conflitos, bem como as dimensões de calçadas e vias públicas. Foram inventariados 1942 exemplares vegetais e verificou-se alta concentração de Licania tomentosa (Benth.) (70,88%), sendo esta uma árvore de grande porte, favorece o conflito por espaço físico e gera problemas quando próxima de calçadas, fiação elétrica e construções. Constatou-se ainda, área livre insuficiente, o que limita o desenvolvimento das plantas e indica a possibilidade de problemas de afloramento de raízes e danos nas calçadas. Conclui-

Criado por giongo

Marcador(es): , ,

  • 13/07/2020
  • 16:53:09

O trabalho teve como objetivo analisar a arborização nas calçadas no centro da cidade de Gurupi-TO. Foi feito um inventário, no qual se usou o procedimento de amostragem sistemática para determinação das amostras. Localizou-se dessa forma, 33 unidades amostrais, correspondendo a uma intensidade amostral de 11,22% da área de estudo, composta de aproximadamente 294 quadras. Foram inventariados 370 indivíduos pertencentes a 33 espécies, sendo que sete delas são responsáveis por mais de 82% da arborização nas calçadas. Dentre estas, Licania tomentosa (Benth.) Fritsch (oiti) representou quase 58% dos exemplares. Constatou-se nos indivíduos: mais de 71% com altura menor ou igual a seis metros; mais de 72% com primeira bifurcação abaixo de 1,80 m de altura; cerca de 68% com diâmetro igual ou maior que 21 cm; cerca de 33% danificando as calçadas; quase 53% em calçadas sem redes aéreas de distribuição; e mais de 91% em situações boa e satisfatória, e apenas 0,27% foram encontrados mortos.

Criado por giongo

Marcador(es): , , ,

  • 13/07/2020
  • 16:53:07

A obtenção de dados que caracterizam determinado fragmento florestal esbarra na dificuldade de processamento dos dados, nos altos custos demandados e no elevado tempo gasto com os inventários tradicionais. O uso de técnicas de Processamento Digital de Imagens (PDI), utilizando dados de sensoriamento remoto para estimar variáveis florestais, pode ser ferramenta útil e eficaz na complementação do inventário de campo. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a viabilidade da utilização de imagens multiespectrais do sensor OLI Landsat 8, através de análise de regressão com dados de campo, para a estimativa de parâmetros florestais. Para isso foi realizado inventário com objetivo de obter os parâmetros florestais: Diâmetro à Altura do Peito (DAP); área basal (G); altura total (Ht); número de árvores (N) e volume de madeira (V). Na etapa de PDI, foram utilizados os valores de reflectância e os índices de vegetação NDVI e SAVI nos pixels que abrangiam as parcelas do inventário, seguidos das análises de correla

Criado por giongo

Marcador(es): ,

  • 13/07/2020
  • 16:53:04

Fire represents an important natural feature of Brazilian landscape, especially in the Cerrado biome. The Cerrado isthe economic livelihood of thousands of people from rural areas in Brazil. It is one of the most important hotspots of biodiversity inthe world but also it is a fire-prone area thanks to the high flammability index of the vegetation. Residents and native people of this environment use fire very frequently. The majority of wildfires are caused by humans, though there are some aggravating natural factors affecting the risk, intensity and severity of wildfires. Since residents are continuously involved in fire suppression activities, understanding their perceptions is important for the decision makers who must assess the local capacity to preserve natural resources. This study explores perceptions about wildfire risk and fire mitigation behaviours within three municipalities of the state of Tocantins (Brazil).

Criado por giongo

Marcador(es): , , , ,

  • 13/07/2020
  • 16:53:02

In order to design effective Brazilian hydraulic structures, it is necessary to obtain data relating to short-duration intense rainfall from historical series of daily rainfall. This recurring need can be fulfilled by rainfall disaggregation methodology. The objective of this study was to determine the intense rainfall disaggregation constants for the State of Tocantins and to compare these constants with those obtained for other regions of Brazil. For the modeling of the frequency of intense rainfall of different durations of less than 24 hours, the Gumbel probability distribution (GPD) was employed using rainfall series from 10 locations in Tocantins state. The results showed that the GPD was adequate by the Kolmogorov-Smirnov and Chi-square tests.

Criado por giongo

Marcador(es): , ,

  • 13/07/2020
  • 16:52:59

Delonix regia é uma essência florestal utilizada no reflorestamento e na arborização de praças, parques e ruas de várias cidades do Brasil. Este estudo teve como objetivo avaliar diferentes composições de substratos para a produção de mudas de flamboyant Delonix regia. O experimento foi conduzido no Viveiro Florestal da UFT. O delineamento experimental adotado foi o inteiramente casualizado, com dez tratamentos e oito repetições. Os tratamentos avaliados foram: T1 Testemunha (Substrato comercial), T2- Substrato comercial + Fibra de coco (70:30), T3-Substrato comercial + Casca de arroz carbonizada (70:30), T4-Substrato comercial + Fibra de coco (50:50), T5-Substrato comercial + Casca de arroz carbonizada (50:50), T6-Substrato comercial + Fibra de coco (30:70), T7-Substrato comercial + Casca de arroz carbonizada (30:70), T8-Substrato comercial + Fibra de coco + Casca de arroz carbonizada (50:25:25), T9-Substrato comercial + Fibra de coco + Casca de arroz carbonizada (25:25:50) e T10-Substrato comercial + Fibra

Criado por giongo

Marcador(es):

  • 13/07/2020
  • 16:52:57

Objetivou-se com o presente trabalho realizar a análise da dinâmica do uso e cobertura da terra referentes aos anos de 1990, 2000, 2007 e 2015 de nove municípios da região Sul do estado do Tocantins, utilizando as técnicas de sensoriamento remoto. Os dados de 1990, 2000 e 2007 foram provenientes da base de dados da Secretaria de Planejamento e Orçamento do Estado do Tocantins, e os dados de 2015 foram obtidos por meio do processamento digital das imagens do sensor OLI (Landsat-8). A classe de uso de solo agropecuária apresentou maior avanço de área, sendo o aumento de 1990 a 2015 mais expressivo nos municípios de Gurupi, Peixe e São Valério. As maiores conversões de áreas entre classes foram do agrupamento Formações Savânicas para o de Áreas Antrópicas Agrícolas (mais de 395 mil hectares entre 1990 e 2015). A classe Área Urbanizada teve maior crescimento de 1990 a 2015 no município de Gurupi.

Criado por giongo

Marcador(es): ,

  • 13/07/2020
  • 16:52:55
Fim do conteúdo da página
-->