Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Projeto vai capacitar 540 profissionais de turismo no Norte e Centro-Oeste
Início do conteúdo da página
UFT E MINISTÉRIO DO TURISMO

Projeto vai capacitar 540 profissionais de turismo no Norte e Centro-Oeste

Por Helô Pereira | Edição: Samuel Lima | Publicado: Quinta, 07 de Janeiro de 2021, 12h00 | Última atualização em Sexta, 08 de Janeiro de 2021, 11h58

O curso de Turismo Patrimonial e Socioambiental, do Câmpus de Arraias, lançou nesta quinta-feira (7), o edital do Projeto Especialização Técnica em Atrativos Naturais e Culturais do Norte e Centro-Oeste do Brasil (Anctur), com apoio financeiro do Ministério de Turismo. O projeto disponibilizará dois cursos de especialização técnica com o objetivo de capacitar, no total, 540 profissionais da área do turismo.

Confira a íntegra do edital da especialização técnica em atrativos culturais, com 278 vagas. Outras informações podem ser obtidas no site do projeto.

O projeto Anctur surgiu de uma demanda do Ministério do Turismo, que tem o compromisso de buscar ações de qualificação comprometidas com a formação de qualidade no setor do turismo. Sendo assim, a UFT foi a instituição parceira escolhida para executar a formação de 540 profissionais, atendendo aos 11 estados das regiões Norte e Centro-Oeste do Brasil. O programa é coordenado pelas professoras Ana Claudia Sampaio e Valdirene Gomes de Jesus, do curso de Turismo Patrimonial e Socioambiental.

Serão disponibilizados cursos de especialização (um em atrativos culturais e outro em atrativos naturais) para os guias de turismo, com carga horária de 200h, sendo 160 na modalidade EaD e 40h de aula prática. Os cursos beneficiarão os profissionais que são habilitados no Cadastur como Guia Regional.

As inscrições para participar do curso de especialização técnica em atrativos culturais terão início no dia 25 de janeiro e seguem até 05 de fevereiro de 2021. O outro curso, com 262 vagas (de especialização técnica em atrativos naturais) ainda não tem edital lançado, e nem data de inscrições divulgada. A previsão de lançamento do edital é para o mês de maio, segundo a coordenação do projeto.

O projeto Anctur tem como principal objetivo a formação de profissionais conscientes do desenvolvimento sustentável e promover a inserção de profissionais qualificados no setor do turismo. "O projeto é um desafio para UFT visto o pioneirismo dos cursos que estão sendo ofertados pela primeira vez em território nacional, cumprindo o papel de formação com excelência acadêmica e entregar produtos finais eficientes, afastando o risco de negligenciar a elaboração de conteúdos autorais que não se aplicam a prática dos profissionais Guia de Turismo e o desenvolvimento de processos de aprendizagem aleatórios e distantes das realidades locais. E além de ser um projeto amplamente divulgado no país.”, afirma a professora da UFT  e coordenadora do projeto Ana Cláudia Sampaio.

Ecoturismo na Chapada dos Veadeiros (Embratur/Divulgação)

registrado em:
Fim do conteúdo da página