Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Palestra abordando temática do suicídio ocorre nesta terça
Início do conteúdo da página
Palmas

Palestra abordando temática do suicídio ocorre nesta terça

Por Thuany Gonçalves | Revisão: Paulo Aires | Publicado: Terça, 11 de Junho de 2019, 17h56 | Última atualização em Quarta, 12 de Junho de 2019, 14h10

Na tarde desta terça-feira (11), o Serviço de Psicologia e Pedagogia, vinculado à Coordenação de Estágio e Assistência Estudantil (Coest), Câmpus de Palmas, promove palestra sobre suicídio com o tema "Sensibilização e técnicas de manejo", ministrada pela psicóloga Leny Carrasco, que atua na Gerência de Saúde Mental do município de Palmas e é professora do Instituto Federal do Tocantins (IFTO).

Para a psicóloga do Serviço de Psicologia e Pedagogia, Márcia Natalie Cardoso, o foco da palestra é prezar a qualidade de vida da comunidade acadêmica. "Trazer, sobretudo, a técnica de manejo e responder algumas perguntas que são feitas no nosso setor, como por exemplo, o que fazer quando alguém revela de alguma forma que se automutila ou pensa em tirar a própria vida. Principalmente destacar a sensibilidade das pessoas, procurando se colocar no lugar do outro que possa estar com o pensamento de afetuar algum desses atos", pontuou.

Xenise Araújo, participante da palestra, ressalta a importância da abordagem tanto em apontar a realidade do município de Palmas, como também por abordar como as pessoas podem se comportar diante das situações relacionadas. "A abordagem sobre nossos pensamentos e atitudes é muito bem-vinda, caso a gente passe por alguma dessas situações. Embora o foco esteja sendo para a fase da adolescência, várias reflexões também são práticas para a vida adulta. Além disso, as músicas que a palestrante trouxe no decorrer da palestra, são bastante interessantes por se encaixarem perfeitamente no contexto de que estamos tratando", explicou.

Durante a palestra, Leny apresentou para os participantes, músicas, vídeos e situações que possam contribuir para identificar pessoas que praticam a automutilação, citando também, sintomas depressivos e de fobia social. A palestra é voltada para professores, técnicos e terceirizados da UFT, realizada no auditório do Bloco IV, Reitoria.

registrado em:
marcador(es): Home,Coest
Fim do conteúdo da página