Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > PPGLetras > Linhas de Pesquisa
Início do conteúdo da página

Linhas de Pesquisa

Por Bianca Zanella | Publicado: Quarta, 21 de Junho de 2017, 15h42 | Última atualização em Terça, 09 de Outubro de 2018, 11h27

As áreas de concentração do Mestrado em Letras são constituídas pelas seguintes Linhas de Pesquisa:

Área de concentração em Estudos Linguísticos

LP 1: Abordagens de Análise Linguística
A linha de Pesquisa tem como objeto o estudo do sistema linguístico de língua materna e estrangeiras. A linha possibilita investigar fonologia, lexicologia, lexicografia, dialetologia, geolinguística, morfologia, sintaxe, semântica, sociolinguística, linguística cognitiva, dentre outros aspectos da descrição e análise linguística. A linha de pesquisa propicia o aprofundamento teórico e metodológico da análise linguística, contribuindo com o desenvolvimento dos estudos sobre o sistema linguístico.  

LP 2: Linguística Aplicada
A linha enfoca teorias e abordagens da linguística aplicada para o ensino de línguas estrangeiras e materna, a formação de professores de línguas; as políticas linguísticas e educacionais; as novas tecnologias no ensino de línguas, letramento, análise e produção de material didático. A linha se propõe a contribuir com o desenvolvido dos métodos e abordagens da pesquisa em linguística aplicada e as questões de ensino.

LP 3: Texto, Discurso e História
A linha de pesquisa aborda reflexões sobre o discurso norteiam-se por estudos históricos, políticos e sociais da linguagem. Privilegiam-se os seguintes domínios: gêneros textuais-discursivos, historiografia linguística e relações entre discurso, sujeito e história no interior dos discursos circulantes na sociedade.

LP 4: Língua Brasileira de Sinais
A linha desenvolve pesquisas nas diversas áreas da linguística que tenham como objeto de investigação a Língua Brasileira de Sinais (libras) e que se relacionem com a educação bilíngue e na inclusão social dos surdos. Dentre os temas abordados nesta linha estão: (a) teorias e métodos dos estudos da modalidade visual-espacial das línguas de sinais; (b) ensino e aprendizagem da libras como L1 e L2, formação de professores e educação bilíngue para surdos; (c) documentação, descrição e análise linguística da libras; (d) relações entre língua de sinais, cultura e identidade surda; (e) aquisição de línguas de sinais; (f) escrita de línguas de sinais; (g) ensino de língua portuguesa como L2 para surdos; (h) tradução/interpretação em línguas de sinais.

Área de concentração em estudos literários

LP 5: Literatura, História e Imaginário
A linha investiga as relações entre a literatura e o processo histórico, cultural e social, a historicidade do discurso literário, a história literária e a historiografia; literatura, regionalismo e literatura tocantinense. A linha aborda os estudos do imaginário, análise dos procedimentos simbólicos e míticos representados na literatura, em uma perspectiva interdisciplinar que compreende teorias e métodos da história, antropologia, sociologia e psicanálise.

LP 6: Teoria, Crítica e Comparatismo
A linha de pesquisa Teoria e Crítica Literária aborda as relações entre as teorias literárias e a crítica literária, as dimensões filosóficas, críticas e epistemológicas nos estudos literários e comparados, as relações entre a literatura, outras artes e mídias, a literatura e estudos culturais, pós-coloniais e de gênero. Estética da recepção e o ensino de literatura. A Linha aborda também as interfaces entre teoria literária e literatura comparada, pós-modernidade, pós-colonialidade, relações intertextuais e interdisciplinares.

Fim do conteúdo da página