Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

UFNT

MEC indica reitor pro tempore para UFNT

O Ministério da Educação (MEC) indicou nessa última sexta-feira (03), o professor Airton Sieben do curso de Geografia, campus de Araguaína, da Universidade Federal do Tocantins (UFT) para o cargo de reitor pro tempore da Universidade Federal do Norte do Tocantins (UFNT). A indicação passará por avaliação e segue para publicação de portaria.

Para o professor, a implantação da UFNT cria perspectivas de avanços na educação não só do norte do estado do Tocantins, mas também nas áreas circunvizinhas dos estados do Maranhão e Pará. Para ele, a nova universidade amplia a possibilidade de cursos nas mais diversas áreas de conhecimento e aumenta a possibilidade de contribuir de forma mais efetiva para o desenvolvimento social e econômico da região. “A UFNT deve alcançar também a comunidade, a sociedade de forma geral, beneficiando e proporcionando ações para o desenvolvimento regional”, ressaltou Sieben.

Próximos Passos

Segundo o professor, a UFNT já nasce multicâmpus, agregando os câmpus de Araguaína e Tocantinópolis, e ainda com a perspectiva da futura implantação nos municípios de Guaraí e Xambioá. Os próximos passos, após a nomeação e posse do reitor pro tempore, serão o estabelecimento de uma comissão para elaborar o estatuto da nova Universidade com a preocupação de se discutir o modelo de gestão, a constituição do CNPJ da UFNT e dar sequência ao projeto de transição que está sendo conduzido pela UFT, que é a Universidade tutora nesse processo.

Currículo

O professor Airton Sieben é doutor e pós-doutor em Geografia, pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU, 2012 e 2015, respectivamente). Mestre em Geomática (Engenharia Agrícola), pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM, 2004). Professor da Universidade Federal do Tocantins (UFT) do Câmpus de Araguaína, desde o ano de 2004 e professor do Programa de Pós-graduação em Cultura e Território (PGCult), desde 2015. Coordenador do Laboratório de Cartografia e Estudos de Território (LCET), da UFT/Araguaína. Participa em grupos de pesquisa e é consultor de revistas científicas. Tem experiência em Educação e Geografia com ênfase em território, população, cartografia, sensoriamento remoto e uso de tecnologias. Vice-coordenador do curso de Geografia e membro em várias comissões de gestão da UFT.

Nova universidade

A Universidade Federal do Norte do Tocantins (UFNT) foi criada por meio da Lei 13.856, no dia 8 de julho de 2019, pelo desmembramento dos câmpus de Araguaína e Tocantinópolis. A criação da UFNT atende à necessidade de expansão do ensino superior na região Norte do país. A nova universidade beneficiará cerca de 1,7 milhão de habitantes, abrangendo 66 municípios do Tocantins, Pará e Maranhão.

Milagres do amor é o próximo filme a ser exibido no Cineclube

O Cineclube da UFNT em Tocantinópolis exibe, no próximo sábado, 01 de outubro de 2022, às 18, no Auditório da Diretoria Regional de Ensino da cidade o filme "Milagre do Amor", dirigido por Mahsun Kirmizigui. 

Haverá debate com a docente Miriam Martinez Guerra, do curso de Ciências Sociais, após a exibição.

Sinopse

Em Milagres do Amor, Aziz (Mert Turak) é um homem com limitações devido a uma severa deficiência. Porém, tal condição não impediu que Mizgin (Biran Damla Yılmaz), a mulher mais bonita do vilarejo, se apaixonasse por ele. Exaustos dos problemas da vila, o casal se instala em uma cidade no oeste onde enfrentam o preconceito e maldade de seus vizinhos. Mas isso não pode pará-los.

 

Fim do conteúdo da página