Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Apresentação

O curso de Ciências Sociais, pioneiro na Universidade Federal do Tocantins (UFT), nasce voltado para a região do Bico do Papagaio e seu entorno. Leva em consideração o campo profícuo na área da pesquisa, ensino e extensão, de forma a inserir um espaço que reúna reflexões da realidade cultural, política, social e econômica desta região. Com base neste pressuposto, o curso de Ciências Sociais foi criado no ano de 2006, a partir do Parecer nº 001/2006, autorizado no dia 24 de maio de 2006. E tem seu funcionamento iniciado no dia 01 de agosto de 2007, com as primeiras contratações dos professores/as do curso.

Atualmente o curso conta com 11 professores e professoras efetivos/as: três antropólogos (doutores), três sociólogos (dois doutores e uma em fase de doutoramento), dois cientistas políticos (um doutor e um fase de doutoramento), duas pedagogas (duas em fase de doutoramento) e uma professora cedida para a Defensoria Pública da cidade de Niterói. Esses professores e professoras possuem formações em universidades nacionais e internacionais, fato este que garante a pluralidade em nossas disciplinas.

O Curso Ciências Sociais do Câmpus de Tocantinópolis tem como objetivo primeiro a formação de profissionais capazes de fazer uma leitura crítica da realidade social, econômica, política e cultural do país e, em nosso caso, da região do Bico do Papagaio, bem como interferir nessa realidade a fim de transformá-la. E a isto, seguem outros objetivos:

  • Formar docentes críticos e conscientes de sua missão como formadores de outros cidadãos;
  • Propiciar debates sobre a realidade sócio-econômica-cultural da região para os profissionais que atuam em diversas áreas, inclusive no magistério;
  • Consolidar o curso para construir, a partir do diálogo com o curso de Pedagogia (Tocantinópolis) e demais cursos da UFT, a possibilidade de cursos de pós-graduação na Área de Ciências Humanas e Sociais;
  • Propiciar o diálogo com os demais cursos da UFT, principalmente àqueles da área de Ciências Humanas e Sociais, e estabelecer contatos efetivos com os demais cursos de Ciências Sociais das regiões Norte e Nordeste, objetivando a elevação do debate acadêmico sobre os temas de interesse do curso.
Fim do conteúdo da página